Curso “Epidemiologia de campo – Investigação de surtos” com três novas edições em 2020

17-01-2020

O Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge, através dos seus departamentos de Epidemiologia e de Doenças Infeciosas, promove em 2020 três novas edições do Curso “Epidemiologia de campo – Investigação de surtos”. A primeira edição decorre já nos dias 16 e 17 de março, nas instalações do Instituto Ricardo Jorge, em Lisboa, e tem como destinatários profissionais de saúde e todos aqueles com especial interesse na temática.

A formação possui uma forte componente prática com a simulação da investigação de dois surtos com a intervenção dos participantes. O programa do curso permitirá também abordar breves conceitos em epidemiologia, medidas de frequência e de associação, assim como desenhos de estudo e os passos da investigação de um surto, entre outros temas. Os interessados em participar na primeira edição de 2020 deverão efetuar a sua inscrição, até 6 de março, através do seguinte formulário.

Em 2020, o Instituto Ricardo Jorge realizará também uma edição especial deste curso exclusivamente para médicos do internato médico em Saúde Pública, no âmbito dos protocolos de colaboração celebrados com as Administrações Regionais de Saúde (ARS) de Lisboa e Vale do Tejo, do Alentejo e do Algarve. A edição especial ARS terá lugar nos dias 24 e 25 de março, com data limite de inscrição a 13 de março. A terceira e última edição realiza-se nos dias 24 e 25 de março.

A investigação de surtos é fundamental para a implementação de medidas de controlo e prevenção, sendo que as ferramentas que permitem essa investigação de forma rápida e efetiva estão atualmente ao dispor de todos os níveis profissionais. Os formadores do curso “Epidemiologia de campo – Investigação de surtos” dispõe de formação específica em epidemiologia (treino EPIET/EUPHEM), à qual se adicionam vários anos de experiência em vigilância e investigação epidemiológica.

imagem do post do Curso “Epidemiologia de campo – Investigação de surtos” com três novas edições em 2020