Unidade de Saúde Ambiental e Ocupacional do Instituto Ricardo Jorge volta a abrir as portas dos seus laboratórios

09-05-2019

A Unidade de Saúde Ambiental e Ocupacional (UASO) do Departamento de Saúde Ambiental do Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge voltou a abrir as portas dos seus laboratórios, em Lisboa, a estudantes do ensino secundário, por ocasião do Dia Nacional de Prevenção e Segurança no Trabalho. O “Dia Aberto na UASO”, que decorreu dia 29 de abril, teve como tema a Prevenção de riscos de exposição profissional no trabalho e promoção de locais de trabalho saudáveis.

Além de sensibilizar os mais jovens para a prevenção de riscos profissionais em diversas áreas de trabalho e espaços e contribuir para a promoção de uma cultura de higiene e saúde no trabalho, a iniciativa pretendeu também divulgar as atividades de prevenção em saúde ambiental e ocupacional desenvolvidas pelo Instituto Ricardo Jorge, assim como o tipo de profissionais envolvidos e missão. A avaliação de exposição profissional com destaque para riscos químicos foi um dos principais temas abordados.

O evento contou com a participação de mais de 50 estudantes, provenientes da Escola Tecnológica do Litoral Alentejano e da Escola Secundária de Águas Santas-Maia, sendo que os alunos desta última escola incluíram também, na sua deslocação a Lisboa, uma visita ao Museu da Saúde. O Dia Aberto desenvolveu-se com uma palestra no auditório do Instituto Ricardo Jorge a que se seguiu a visita aos laboratórios, onde os jovens contactaram com metodologias de ensaio na área da toxicologia ambiental e qualidade do ar e modos de trabalhar em segurança em laboratório.

O Dia Nacional de Prevenção e Segurança no Trabalho, que se assinala a 28 de abril, pretende informar e sensibilizar os cidadãos para a importância da segurança e da saúde no local de trabalho, fomentando uma cultura de prevenção e tendo como objetivo a redução dos acidentes de trabalho e as doenças profissionais. A informação em Segurança e Saúde no Trabalho (SST) é considerada um pilar fundamental de toda a política preventiva das organizações, com repercussão em todo o processo de gestão de SST, nomeadamente ao nível da avaliação de riscos.

imagem do post do Unidade de Saúde Ambiental e Ocupacional do Instituto Ricardo Jorge volta a abrir as portas dos seus laboratórios