Museu da Saúde – Peça do mês de setembro de 2021

16-09-2021

O Museu da Saúde, gerido e promovido pelo Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (INSA), seleciona como peça do mês de setembro um conjunto de ventosas utilizadas como instrumentos terapêuticos. A aplicação de ventosas, aquecidas internamente para formar vácuo, serviam para fazer afluir o sangue ao local de infeções, com ou sem recurso posterior a sanguessugas ou sangrias.

Este tipo de tratamento, comum até ao século XX, tem a sua génese na terapêutica fundada por Hipócrates e Galeno (129-c.199): a teoria clássica dos humores corpóreos. Esta teoria defendia que o estado de saúde estava relacionado com o equilíbrio do sistema humoral (sangue, fleuma, bílis amarela e bílis negra). Com o objetivo de libertar o corpo de humores excessivos, recorria-se, entre outros instrumentos, às ventosas.

A “Peça do Mês” é uma iniciativa do Museu da Saúde que destaca, mensalmente, uma peça do seu acervo, tendo por objetivo evidenciar temas e tipologias de objetos com elevado valor histórico e científico. A par do acesso virtual, o Museu promove exposições temáticas nas instalações do seu futuro espaço-sede, no Hospital de Santo António dos Capuchos, nos espaços do INSA e em instituições parceiras.

O Museu da Saúde mostra-se, desde abril 2017, no antigo Serviço de Neurocirurgia do Hospital de Santo António dos Capuchos, em Lisboa, com a exposição “800 Anos de Saúde em Portugal“. A mostra é constituída por cerca de 400 peças, provenientes das coleções do Museu da Saúde e de acervos de instituições parceiras, podendo ser visitada mediante marcação através do email museudasaude@insa.min-saude.pt ou do telefone (+351) 217 526 479.

imagem do post do Museu da Saúde – Peça do mês de setembro de 2021