Museu da Saúde – Peça do mês de janeiro de 2021

06-01-2021

O Museu da Saúde, no contexto atual de vacinação, seleciona como peça do mês de janeiro um cartaz do Instituto de Assistência Nacional aos Tuberculosos (I.A.N.T.) dedicado à B.C.G., considerada a primeira vacina do século XX. Criada em 1921 pelos franceses Albert Calmette (1863-1933) e Camille Guérin (1872-1961), foi designada de Bacillus Calmette-Guerin (B.C.G.) e constituiu a primeira arma eficaz de prevenção da Tuberculose, doença de morbilidade e mortalidade devastadoras à época.

O cartaz é de autoria do ilustrador Mário Neves (1923-2008) e integra um conjunto produzido em 1957 no contexto da campanha de profilaxia do I.A.N.T. para sensibilização da população. Pertence à coleção de Tuberculose do Museu da Saúde, a qual preserva a memória histórica do combate contra esta doença, em Portugal e no estrangeiro.

A “Peça do Mês” é uma iniciativa do Museu da Saúde que destaca, mensalmente, uma peça do seu acervo, tendo por objetivo evidenciar temas e tipologias de objetos com elevado valor histórico e científico. A par do acesso virtual, o Museu promove exposições temáticas nas instalações do seu futuro espaço-sede, no Hospital de Santo António dos Capuchos, nos espaços do Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (INSA) e nas instituições parceiras.

Gerido e promovido pelo INSA, o Museu mostra-se, desde abril 2017, no antigo Serviço de Neurocirurgia do Hospital de Santo António dos Capuchos, em Lisboa, com a exposição “800 Anos de Saúde em Portugal“, que esboça um panorama cronológico e compreensivo da história da saúde em Portugal, desde a fundação da nacionalidade até à atualidade. A exposição é constituída por cerca de 400 peças, provenientes das coleções do Museu da Saúde e de acervos de instituições parceiras.

imagem do post do Museu da Saúde – Peça do mês de janeiro de 2021