Dia Mundial da Água 2021

22-03-2021

Comemora-se a 22 de março o Dia Mundial da Água, data instituída pela Organização das Nações Unidas (ONU), em 1993, com o objetivo de promover a reflexão sobre a importância vital dos recursos hídricos. Alinhado com o 6º Objetivo do Desenvolvimento Sustentável, que visa garantir a disponibilidade e a gestão sustentável da água potável e do saneamento para todos até 2030, o tema deste ano é “Valorizar a água”, com vista a reconhecer e destacar o papel da água nas suas diferentes perspetivas, tanto do ponto de vista do consumo doméstico e dos aspetos económicos e sociais, como das questões da saúde, ambiente, cultura e educação.

Apesar do seu valor para os ecossistemas e da sua importância como bem essencial de consumo, a água é um recurso ameaçado na sua origem pela crescente contaminação com matéria orgânica, maioritariamente de origem antropogénica. A eutrofização das massas de água doce superficial é um fator que estimula o crescimento de microalgas, particularmente de cianobactérias.

As cianobactérias, apesar de serem constituintes naturais dos ecossistemas aquáticos, em condições propícias (excesso de nutrientes, luz e temperaturas elevadas) têm a capacidade de crescer massivamente. Este fenómeno, denominado de bloom, constitui um risco para a saúde humana e ambiental, pois é frequentemente caracterizado pela presença de espécies produtoras de toxinas (cianotoxinas) com efeitos hepatotóxicos e neurotóxicos.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) publicou recentemente a segunda edição do livro “Toxic Cyanobacteria in Water – A Guide to Their Public Health Consequences, Monitoring and Management”. Este importante guia técnico-científico atualiza o conhecimento a respeito da ocorrência de cianobactérias e cianotoxinas e recomenda valores-guia e de referência para as cianotoxinas anatoxina-a, cilindrospermopsina e saxitoxina, para além do já existente para a microcistina-LR (1µg/L, D.R. n.º 306/2007 e D.R. n.º 152/2017).

O Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (INSA), através da sua Unidade de Água e Solo do Departamento de Saúde Ambiental, intervém, desde 1996, na monitorização de águas doces superficiais relativamente às cianobactérias e toxinas associadas. Na edição 30 do Boletim Epidemiológico Observações (BEO – setembro 2021) será publicado um artigo que visa a divulgação das informações contidas no livro da OMS, pretendendo desta forma contribuir para a disseminação da informação relativa à monitorização de cianobactérias e cianotoxinas em águas de consumo e balneares.

Neste Dia Mundial da Água, o INSA junta-se à campanha H2Off – Hora de fechar a torneira, promovida pela Associação Portuguesa de Distribuição e Drenagem de Águas (APDA). Esta ação de sensibilização pretende promover o uso correto e eficiente da água, num apelo generalizado de fecho das torneiras das 22:00 às 23:00.

ONU Água | Dia Mundial da Água 2021 (em inglês)

imagem do post do Dia Mundial da Água 2021